As dores de amor dos homens modernos

Van Der Avilys apresenta “Amores que causam gastrite”, um livro que mexe com conceitos e tabus de nossa sociedade

Por Rafael Augusto Machado, Jornalista

Um advogado em final de carreira, que já conquistou tudo o que queria, materialmente falando. Um homem que sempre teve seu charme e soube usá-lo sempre que precisou e, em meio às dúvidas sobre o que despertava o interesse das mulheres nele – sua essência pessoal ou sua expressiva conta bancária -, usava este poder de sedução para satisfazer seus desejos. Sempre escondeu, por trás disso tudo, um homem que nutria um saudoso e forte amor por aquela namoradinha dos tempos de adolescência, mãe de sua única filha. Monteiro sabia de seus pontos fortes, mas também sabia de suas fraquezas, perante as quais, muitas vezes, sucumbiu. E muitas pessoas que o cercavam aproveitaram-se disso.

 

“Amores que causam gastrite” é o quinto livro de Van Der Avilys, um autor caxiense acostumado a preencher seus livros com narrativas envolventes, tanto pela estrutura quanto pela escolha de temas incomuns. Monteiro, personagem central de seu novo livro, é prova disso. “Ele acaba se apaixonando por uma garota muito mais jovem, como forma de rebuscar sua juventude e sentir-se mais vivo. Isso é natural para o homem”, destaca o escritor. A obra foi lançada no dia 11 de outubro e já esteve presente nas Feiras do Livro de Caxias do Sul e Bento Gonçalves, e em novembro terá evento de lançamento oficial, em dia e hora a serem confirmados.

Van Der Avilys: indo direto ao ponto nos tabus e preconceitos de nossa sociedade. Foto: Divulgação

Em Monteiro também estão impressos alguns preconceitos de nossa sociedade, presentes também nele próprio e usados por ele como forma de livrar-se de algumas de suas próprias tendências. “Trata-se de um cara muito acomodado, instalado em uma zona de conforto, tanto que por isso ele busca tudo o que deseja ali mesmo, em seu campo de atuação profissional e em seu ambiente de convivência pessoal. Por isso escolheu uma secretária travesti e feia, pois sabia que assim não cairia na tentação de se apaixonar por ela e, ao mesmo tempo, teria alguém fiel a ele”, complementa o autor.

Ao longo da narrativa, ele passeia por fatos e pessoas que cercam Monteiro: o médico, o colega advogado responsável pelas suas propriedades, amigos antigos, a filha e a amiga dela… E desenha a partir daí um contexto que transforma o personagem em um potencial gerador de diferentes oportunidades: para alguns, a possibilidade de enriquecer rapidamente; para outros, um homem singular que merece ser realmente amado; para outros, ainda, uma mera cobaia para tratamentos médicos.

Ao final, uma narrativa cheia de surpresas, tabus, preconceitos, tramas e histórias que vão-se revelando lentamente e tornando cada capítulo uma nova parada para descobertas reveladoras. “Amores que causam gastrite” é mais uma prova do talento e maturidade de um dos melhores escritores do cenário literário caxiense, que novamente brinda o mercado cultural com grande estilo, deixando os leitores ansiosos pelos próximos livros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *